domingo, 29 de julho de 2012

Vitória na apresentação da equipa!


Foi um final de tarde alegre e em festa, com cerca de 30.000 em Alvalade, e um jogo interessante com o Sporting a colocar em campo todos os seus jogadores disponíveis (foram 12 substituições).

Ao contrário do se quer fazer passar por aí, não se tratava de um adversário assim tão fácil (ficou em 7º no campeonato francês, à frente de clubes como o Marselha, por exemplo...). Também não estava à altura do Valência da temporada passada, mas eram de evitar alguns comentários que ouvi de alguns comentadores de rádio e televisão durante a partida. Enfim, mais do mesmo, pois não conseguem esconder o seu facciosismo.

A equipa francesa iniciou o jogo de forma atrevida, e o Sporting teve nos minutos iniciais, alguma dificuldade em sair da pressão exercida pela linha avançada do adversário, até pela falta de rotinas entre a linha defensiva, completamente nova dos leões. Mas passados os primeiros 15 minutos, o Sporting soltou-se e começou a criar várias ocasiões de perigo, principalmente através de Capel e Carrillo, e das incursões no ataque de Elias, utilizando a sua capacidade de explosão e velocidade que todos lhe reconhecemos, será que vamos ter o verdadeiro Elias esta temporada?
O primeiro golo surgiu naturalmente, com Capel a cruzar na direita e Carrillo a aparecer ao 2º poste, como uma flecha, finalizando de cabeça. Aliás, foi de cabeça que, curiosamente, Carrillo apontou a maioria dos seus golos, desde que chegou ao Sporting, o que denota alguma competência neste particular.

Um pouco antes, André Martins já tinha falhado um golo certo, num lance em Wolfswinkel lhe oferece de bandeja, já sem o guarda-redes entre os postes.

Gostei bastante da forma simples e descomplexada, com que a dupla de centrais (Boulahrouz e Rojo) esteve em campo, resolvendo os problemas de forma eficaz e sem complicar. Boulahrouz mostrou segurança e tranquilidade, e Rojo mostrou atributos que poderão fazer dele um caso sério neste Sporting, como velocidade de execução, qualidade no passe, raça e agressividade quanto baste na hora de desarmar.
Onyewu, Xandão e Carriço, vão ter dias muito difíceis em Alvalade, pois terão que mostrar serviço para conseguirem alcançar a titularidade. Carriço é claramente o "elo mais fraco", e uma das "duas torres", Xandão ou Onyewu, deverão sair por empréstimo, ou de forma definitiva, até porque ainda há Nuno Reis, que quanto a mim, é melhor que qualquer um dos três.

Insúa também terá que se por a pau, pois a luta pelo lugar de lateral esquerdo promete ser intensa, com Pranjic a mostrar excelentes atributos para o lugar, apesar de não ser a sua posição de raiz. Na direita, penso ninguém ter dúvidas que Cédric é o sucessor de João Pereira, e assim o espero, até porque Pereirinha, para além de não ser um defesa lateral, continua a mostrar grandes deficiências quando joga nessa posição. Prefiro muito mais vê-lo como médio ala, numa perspectiva de jogador que entra para substituir um dos extremos, mediante o decorrer dos jogos, e a gestão dos mesmos.

2ª Parte mais desinteressante...

Carrillo bisou
As muitas substituições operadas por Sá Pinto no 2º tempo, embora compreensíveis dado o momento, estragaram um pouco o jogo, mas deram para tirar algumas conclusões. Dos 12 que entraram na segunda parte, apenas 2 ou 3 poderão entrar nas contas para um hipotético onze base, que julgo terem actuado na sua maioria na primeira parte. Apenas Insúa, Rinaudo, Gelson e talvez Adrien, poderão baralhar um pouco as escolhas do treinador leonino. Carriço e Onyewu apenas actuaram 20 e poucos minutos cada, o que pode querer dizer alguma coisa, Jeffren continua a perder terreno para Carrillo, Wolfswinkel continua sem concorrente à altura, Wilson Eduardo e Rúbio terão dificuldades até para entrar nos 18 escolhidos para cada partida, até porque vem aí outro avançado...

Wolswinkel converte penalty
Enfim, ainda muita tinta vai rolar até ao início das competições oficiais. O que fica para a história, foi mais uma vitória por 3-1, com Carrillo a bisar na segunda parte, num lance em que Adrien isola Ricky com este a passar o guardião francês com um toque para o lado, onde aparece Carrillo em velocidade a finalizar, dando a sensação que o holandês perdera o controle do lance. Mais tarde Rinaudo faz um passe de 35 metros para Capel na esquerda,  e este acaba por ganhar uma grande penalidade, que Wolfswinkel converteu com a frieza habitual. De penalty ou não, o que é certo é que "Iceman" continua a facturar, no passado estes lances eram uma espécie de "calcanhar de Aquiles" no Sporting.

Não fora os 2 golos de Carrillo e Capel seria para mim o Homem do Jogo. A resposta de Carrillo quando questionado acerca da luta pelo título foi brilhante (ver aqui!). Penso estar tudo dito.

sábado, 28 de julho de 2012

Gastón Fernandéz na Mira do Sporting!

"La Gata" Fernandez - Avançado ambidextro de 28 anos

Surgiram rumores no Twitter e no Facebook, vindos da Argentina, que o Sporting poderia estar interessado em Gastón Fernandez. Por enquanto não passa disso mesmo, mas este sim, seria o avançado de qualidade que o Sporting está a precisar. Viola é apenas um promissor avançado, ainda com algumas reticências, mas este (aos 28 anos) já não precisa provar nada a ninguém, tendo vencido o Campeonato argentino por 4 vezes, e a Libertadores em 2009 pelo Estudiantes, marcando um dos golos da final.

Era bom que se confirmassem os rumores... fica o vídeo do jogador:




Um pouco ao estilo de João Vieira Pinto, "O grande artista!" lembram-se?

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Segue-se Valentin Viola?

Avançado
O próprio jogador já não esconde que o Sporting é uma forte possibilidade, e mostra-se bastante agradado com essa realidade. Não posso dizer que conheço todo o potencial deste jogador, mas o que é certo é que se trata de mais um internacional Argentino, selecção de onde saem alguns dos melhores jogadores do mundo.

Faz 21 anos em Agosto
Numa rápida pesquisa pela Internet, encontrei muita informação acerca deste jovem craque, e alguns vídeos que mostram a sua capacidade técnica e instintos de goleador, não me parecendo ser ainda o "matador" que o Sporting tão urgentemente precisa. A ver vamos se se concretiza, e por que valores...

Deixo aqui um vídeo do jogador:

Vi o Sporting-Belenenses n'ABolaTV!

Mais um troféu para o Museu...
Em mais um torneio de preparação, o Sporting aproveitou para rodar todo o seu plantel, em dois jogos de 45', frente ao Atlético e Belenenses respectivamente. Não houve golos em ambos os jogos, acabando o Sporting por vencer o torneio através das grandes penalidades, o que realça aquele que é o principal problema desta equipa leonina: a concretização.

Pois é, já a temporada passada, ficou bem marcada pelo fraco pecúlio leonino no que toca a meter a bola dentro das balizas contrárias. E se o rendimento geral de Wolfswinkel foi bastante positivo, apontando 23 golos, o dos seus colegas de sector foi bastante medíocre. O Sporting necessita urgentemente de alguém com clara apetência para o golo, independentemente da idade, não podendo andar a contratar "promessas", mas sim "certezas" para um sector nevrálgico e que decide o resultado de um jogo, independente das boas ou más exibições. Os nossos adversários directos amealham pontos, mesmo em jogos em que não jogam bem, em virtude de possuírem jogadores que resolvem em momentos decisivos. Desde Acosta, Jardel e posteriormente Liedson, que o Sporting não tem esse tipo de jogador. É com esse tipo de jogadores que se ganham campeonatos. Wolfswinkel apesar de ser um excelente ponta-de-lança, não é um "matador".

Um novo Elias?
Ontem gostei particularmente de Elias e Schaars, que penso terem lugar cativo no onze leonino. Elias, embora não seja do agrado de alguns sportinguistas, é daquele tipo de jogadores que fazem falta a qualquer equipa, dada a intensidade que põe nos lances e a quantidade de quilómetros e número que bolas que recupera. Motivado, pode ser um caso muito sério, até porque compreendamos que a motivação do jogador nos últimos meses da época passada, não poderia ser muita, ao ver pela TV os jogos europeus, e só podendo jogar nos jogos de uma Liga portuguesa, onde as nossas aspirações estavam claramente comprometidas desde muito cedo. Schaars é um "senhor", e claramente o "patrão" desta equipa.

Será o patrão da defesa
Entre os reforços, Boulahrouz não engana, e passeou a sua classe e experiência pelo "mau" relvado do Estádio do Restelo, fazendo uma dupla aparentemente segura com Rojo, que mostrou aqui e ali alguns pormenores de qualidade, e também o porquê de Sá Pinto querer um central esquerdino, pois torna muito mais fácil a circulação da bola pelos elementos da defesa, e os lançamentos em profundidade para a ala esquerda.

Pranjic também mostra grande qualidade técnica, especialmente na qualidade de passe, e uma grande inteligência na leitura de jogo em cada lance que disputa. Excelente aquisição do Sporting, até pela sua grande polivalência e experiência.

Cédric Soares é claramente o melhor lateral direito do plantel, mostrou isso mesmo e até qualidades na marcação de livres. Pereirinha é o elo mais fraco, e para mim falta-lhe agressividade e atitude para vir a ser um bom lateral ou médio ala.

Conclusão: Está mesmo a faltar um "Matador".

Matias vai mesmo embora!

Matias mostrou sempre grande humildade ao serviço do Sporting

É com muita pena minha que vejo partir Matias Fernandez para Itália, fazendo fé naquilo que circula por aí como sendo um dado adquirido, apesar de ainda não haver nada oficial. Sempre fui um admirador do futebol do chileno, mas se formos analisar a seu percurso na equipa leonina ao longo das 3 épocas que aqui jogou, uma palavra salta à vista: Irregularidade.

Matias é um "nº10" à maneira antiga, e apenas na segunda metade da temporada passada, já com Sá Pinto, e jogando num 4-4-2 principalmente perante as equipas mais fortes, como o City por exemplo, Matias conseguiu atingir bons níveis exibicionais, não tendo grandes preocupações defensivas, sendo decisivo em alguns jogos na liga Europa. Mas mais uma vez foram visíveis as suas dificuldades perante equipas que jogam muito fechadas e com níveis de agressividade elevados, como acontece com a maior parte das equipas portuguesas.

Já tinha avisado, e era previsível que houvessem saídas no sector intermédio, sendo Izmailov e Matias os mais fortes candidatos, precisamente pelo seu rendimento irregular e fragilidades físicas, que os obrigam constantemente a treinar à parte, ou a ser poupados em muitos e muitos jogos. Muito pouco para dois jogadores muito bem pagos em Alvalade.

Os sportinguistas têm que compreender que seria impossível manter Adrien, André Martins e Labyad, mantendo ainda Matias e Izmailov. Acredito que o russo será um dos próximos a conhecer novo clube. Não questiono a qualidade dos dois, mas o seu rendimento tem sido quanto a mim insuficiente para o elevado salário que auferem.

Abrem-se assim portas para a vinda de um avançado de qualidade, que é o que realmente o Sporting está a precisar. Desejo a maior das felicidades para "El Crá", e o meu agradecimento pelos poucos, mas grandes momentos que nos proporcionou.

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Miolo super-lotado e défice no ataque...


Só um perfeito anormal ou pessoa com segundas intenções, poderá dizer que este plantel do Sporting não está ao nível dos nossos rivais na disputa do título nacional.

Em alguns sectores é até superior aos nossos adversários directos, faltando apenas um avançado de qualidade indiscutível, para rivalizar ou mesmo retirar a titularidade a Wolfswinkel.

Olhando para este cenário, uma coisa é certa, alguns jogadores deverão estar de saída, pois 27 jogadores (28 se chegar mais um avançado) é um número demasiado exagerado, ainda para mais tendo em conta que este ano há equipa B. E deverá ser no meio-campo que pelo menos 2 jogadores serão dispensados.

Adrien, apesar da sua indiscutível qualidade, terá muita dificuldade em arranjar um lugar no onze inicial, partindo do princípio que Schaars, Elias e Rinaudo serão as primeiras escolhas, havendo ainda Gelson, André Martins, Matias e Izmailov... e há ainda Labyad...

Quem serão os eleitos de Sá Pinto?

Penso ainda que é na zona centro do ataque, onde o Sporting é claramente inferior aos demais concorrentes para o 1º lugar. Vamos ficar a aguardar por novidades...

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Eis a primeira conquista da época!


O Sheffield Wednesday foi a primeira vítima do Leão esta temporada, se descontarmos a "peladinha" realizada na Academia antes da partida para estágio, com o Atl. Cacém. Depois da derrota frente ao Charlton, num péssimo jogo de futebol, onde aí foi mais do que evidente a falta de ritmo da maioria dos jogadores leoninos, e o "peso" nas pernas fruto das fortes cargas aplicadas nos primeiros dias de estágio, no jogo de hoje já se viu mais Sporting, e já se viu que existe qualidade em quantidade a explorar pelo treinador Sá Pinto, que vai ter boas dores de cabeça, para escolher um onze base para este novo Sporting, dada a polivalência, qualidade, principalmente no sector do meio-campo, onde a luta pela titularidade promete ser intensa.

Não tive a oportunidade de ver o jogo todo, vi apenas alguns minutos, mas já vi o resumo e pelas reacções que vejo pela blogosfera leonina, o Sporting fez uma exibição agradável.  

Equipas: 

Sporting CP
Marcelo Boeck, Pereirinha, Xandão, Carriço, Insúa, Gelson Fernandes, Schaars, André Martins (1), Jeffren, Capel e Wolfswinkel (1)

Jogaram ainda:
Golas, Onyewu, Boulahrouz, Cédric, Pranjic, Elias, Adrien, Matias Fernandez, Wilson Eduardo e Andre Diaz

Sheffield Wednesday
Carlos Henriques, Kieran Lee, Réda Johnson, Semedo,
Mark Beevers, Anthony Gardner, Nejc Pecnik, Chris Lines, Gary Madine, Chris Maguire e Jermaine Johnson

Jogaram ainda:
Rob Jones, Cameron Dawson, Miguel Llera, Joe Mattock,
David Pruton, Michael Jones, Diogo Amado, Ryan Lowe, Marlon Herrwood e Chris O'Grady

Árbitro
Nuno Almeida (Algarve)

Cartões: Cartão amarelo para Semedo (21), Wolfswinkel (21), Reda Johnson (25) e Gelson (36)

domingo, 22 de julho de 2012

Eu quero LIEDSON de volta!


É isso mesmo amigos sportinguistas. Eu desejo que o levezinho regresse a Alvalade. Por todas as razões e mais algumas. Liedson com um perna amarrada, marcará sempre mais golos que muitos jovens avançados que desfilam por essa Europa fora. Liedson com 34 anos, ainda corre mais quilómetros que muitos outros ainda com pouco mais de 20 anos. Liedson conhece e ama como poucos o Sporting, e prefiro pagar um bom salário a um jogador destes por mais uma ou duas épocas, do que a qualquer "Bojinov" ou "Seba" que ande por aí.

VOLTA LIEDSON! SERÁS REI MAIS UMA VEZ NO REINO DO LEÃO!




LIEDSON mantém intactas as suas qualidades de goleador...

sábado, 21 de julho de 2012

Marcos Rojo contratado e já trabalha...


Com a chegada deste jogador de qualidade, internacional argentino, o Sporting fica com o seu sector defensivo (o mais frágil a temporada passada), bastante reforçado e já muito perto do nível dos principais concorrentes ao título, apenas necessitando de jogos e de uma definição clara dos dois centrais titulares, evitando as trocas constantes neste sector nevrálgico, que aconteceram principalmente com Domingos no início da temporada transacta, umas vezes por lesões, outras pelo fraco rendimento das diferentes duplas que foram sendo utilizadas, mas que voltaram a acontecer depois com Sá Pinto, e com Polga a ser ainda assim o elemento mais regular entre os centrais.

Marcos Rojo representou o Estudiantes LP da Argentina entre 2008 e 2010, onde se destacou como títular e apontando 3 golos, rumando depois para a Rússia para o Spartak onde apenas foi utilizado por 8 vezes. Tem ainda 9 internacionalizações pela selecção A da Argentina, tendo mesmo "tapado" o lugar a Insúa como defesa esquerdo (função que também pode desempenhar com igual eficácia), na selecção alvo e celeste.
Rojo tem 1,87m de altura e apenas 22 anos, pode desempenhar as funções de central e lateral esquerdo (o próprio disso que prefere actuar a central), o que o torna num jogador com futuro promissor, apesar da má experiência russa (não são muitos os jogadores sul-americanos que se adaptam aquele país).

Para bem do Sporting, espero que se adapte rapidamente ao futebol português e ao clube, podendo assim formar uma dupla forte com o Holandês, sendo Onyewu e Xandão boas alternativas. Não me parece que Carriço consiga entrar nesta luta pelo centro da defesa...


Fica a faltar um avançado de qualidade, e então sim podemos começar a sonhar.



quarta-feira, 18 de julho de 2012

Khalid Boulahrouz é o central escolhido


Mais uma vez o Sporting foi "pescar" à Holanda, apesar do último clube de Khalid ter sido o Estugarda. O central vem a custo zero, salvo as comissões e o provável elevado ordenado, mas o facto de ser um internacional holandês e um nome com elevada reputação europeia, justifica o esforço da direcção.

Só o tempo dirá, se foi ou não uma boa aposta. Eu prefiro esperar para ver o rendimento que este jogador pode atingir na equipa. Para já, e tendo em conta as dificuldades financeiras que o clube atravessa, parece-me uma boa aquisição, assim o jogador venha em plenas condições físicas. Os 30 anos de idade, para mim significam experiência, elevado grau de profissionalismo, menos velocidade é certo, mas trará um equilíbrio muito maior à defesa leonina, dada a juventude existente nas laterais.

Aumenta assim o contingente holandês no plantel leonino, para 3 jogadores. Com a chegado de um avançado de qualidade, o plantel do Sporting terá as armas mais do que suficientes para  luta pelo primeiro lugar, assim os jogos se disputem apenas dentro das 4 linhas. Se consegue ou não, isso ninguém o poderá afirmar, até porque o futebol é fértil em surpresas e a lógica é uma batata.



sábado, 14 de julho de 2012

Apresentação de Danijel Pranjic


Vídeo da apresentação do jogador:


Danijel Pranjic para surpresa de muitos!

Pranjic no Bayern Munich
Enquanto os "pasquins" do costume se entretêm a vasculhar e a destacar tudo o que podem acerca daquilo que menos bom se passa no nosso grandioso clube, e a vender a ideia que o Sporting está falido e que o futuro é negro (como se os mais directos concorrentes estivessem na maior e a viver à grande e à francesa), os dirigentes do Sporting garantem mais um excelente reforço para a equipa principal, no maior dos secretismos, apanhando todos de surpresa.

Pranjic na Selecção Croata
Dirão alguns: Para quê mais um médio? Precisamos é de um central e de um avançado... Concordo plenamente, mas não se trata de um jogador qualquer, pois é um jogador de qualidade indiscutível, com muita experiência (30 anos), polivalente, podendo jogar em várias posições no meio campo, preferencialmente pela ala esquerda, tendo actuado mesmo a defesa esquerdo nos últimos tempos, quer na selecção croata, quer no Bayern de Munique.

É um jogador maduro, como mostrou o seu discurso na apresentação, vem motivado, e a custo zero (salvo as habituais comissões), que mais podemos nós exigir? 

É sem dúvida um excelente reforço, e é destes jogadores que o Sporting precisa, para fazer crescer os mais jovens. Um jogador habituado a grandes equipas e a grandes palcos, excelente profissional e que vem para ocupar uma lacuna deixada com a saída de Evaldo, pois a sua polivalência e a titularidade indiscutível de Insúa, torna desnecessária a contratação de mais um lateral esquerdo, até porque numa emergência, podemos sempre recorrer à equipa B.

Pranjic em acção no Bayern: 





terça-feira, 3 de julho de 2012

Mais um reforço apresentado...



Hoje foi apresentado mais um reforço, agora para uma posição onde se revelou haver uma lacuna ao longo de toda a temporada passada, e que se acentuou com a grave lesão de Rinaudo.

Com Gelson Fernandes, o Sporting ganha força, capacidade de recuperação de bolas, e sobretudo "pulmão", pois trata-se de um jogador que corre muitos km em todos os jogos que disputa, não regateando esforços. Não se espere deste jogador grandes atributos técnicos, pois não são essas as suas características.

Fica a faltar um central de qualidade e uma boa companhia/alternativa a Wolfswinkel, e que obrigue o holandês a ser cada dia melhor, não se acomodando ao estatuto de indiscutível.

Em tempo de "vacas magras" e não saindo nenhum dos jogadores mais influentes, o Sporting fica assim com um plantel mais do que suficiente para a luta pelo 1º lugar, até porque nem sempre são os orçamentos e os nomes sonantes que ganham os jogos e as competições, é tudo uma conjugação de muitos factores, onde a regularidade é a palavra chave. Assim a sorte e os factores externos nos permitam...

Discurso realista e ponderado, na sua apresentação

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Finalmente LABYAD!


Há muito tempo anunciada, a contratação deste jovem jogador de nacionalidade marroquina, vindo a custo zero do PSV da Holanda, é um dos melhores negócios dos últimos anos do nosso Sporting. Esperemos agora que o rendimento do jogador, seja o esperado por todos os sportinguistas, pois trata-se de um jogador cujo talento é indiscutível.

É um médio polivalente, possuidor de boa técnica, capacidade de remate de meia distância, e pode actuar quer nas alas, quer no corredor central do meio-campo, muito ao estilo de Izmailov. Aliás, penso mesmo que a continuarem os sucessivos problemas físicos do russo, Labyad não terá muita dificuldade em impor-se na equipa do Sporting, principalmente numa das alas do meio campo, visto que no miolo, existem jogadores como Elias, Rinaudo, Schaars ou Matias. A não ser que hajam saídas de algum destes jogadores. Matias e Izmailov têm mercado, e podem estar entre os transferíveis.

Zakaria Labyad assinou contracto de 5 épocas, e fica blindado por uma cláusula de 50 Milhões. Durante esta semana, provavelmente haverá mais novidades.



PES 2018 | Kits do Sporting CP 2017-2018

Como não encontrei em mais lado nenhum resolvi fazer os kits do Sporting e partilhar convosco. Não estão perfeitos, mas para já desenrascam....